Sábado, 18 de Setembro de 2010

Li, nas férias, em espanhol, este livro. Penso que ainda não está editado entre nós. Decidi falar sobre ele porque toca um tema muito em voga nos dias de hoje: a Internet e o que ela pode trazer consigo. É um livro fresco e de leitura fácil. Confesso que me deixou a pensar um pouco mais no poder que a “Net” tem e em como isso pode afectar as nossas vidas.

 

Têm um e-mail. E é um e-mail de alguém que não conhecem. Duas ou três linhas e um remetente enganado… Bem poderia ser o início de uma bela história de amor…

Achei o romance original. O autor, um austríaco, ressuscita o género epistolar com um inteligente diálogo electrónico. Assim, a história está narrada em formato de correio electrónico.

E engana-se aquele que pensa que mais de 250 páginas de e-mails são uma tortura. Pelo contrário, temos um romance vivo e dinâmico que se lê num fôlego e capta toda a nossa atenção. A originalidade da história aliada ao divertimento que a caracteriza acaba por nos prender.

Um romance simples, carregado de muito sentimento, salpicado levemente de humor e que tem como ponto forte a definição das personagens. No entanto, esta simplicidade esconde questões que provavelmente nos colocamos: até que ponto nos podemos relacionar na Internet? Quais são os limites? De que modo é que isso nos afecta? De forma interessante, o autor consegue fazer-nos reflectir sobre o melhor e o pior que nos podem oferecer as relações virtuais.

Mas não é só isso. Leva-nos a pensar que uma história semelhante à de Leo e Emmi pode acontecer a qualquer um de nós.

Não é uma obra-prima da Literatura, mas é óptima para quebrar as outras leituras mais sérias… A mim foi-me difícil fechar o livro enquanto não cheguei ao fim. Quando terminei, pensei para comigo “Contra el Viento del Norte – O amor nos tempos do e-mail”.



publicado por I.M. às 14:55
Mais um ...para a lista de espera!!!!

A Propósito: JÁ TENHO UMA ESTANTE!!!!!!
TAMBÉM TENHO!!!!!!!

bjkas
avelaneiraflorida a 18 de Setembro de 2010 às 17:36

Pois, os problemas da internet...
Se calhar é por isso que há pessoas que nunca respondem aos mails dos amigos... Lol :)

Joaquim Moedas Duarte a 18 de Setembro de 2010 às 21:58

Em torno de livros e escritos. À volta de histórias e estórias...
Na Prateleira...
Shelfari: Book reviews on your book blog
Estou a ler...

Steven Saylor, Empire

pesquisar neste blog
 
links