Quinta-feira, 26 de Fevereiro de 2009

Quando li este livro, lembrei-me da biblioteca do meu padrinho: mágica, repleta de livros esquecidos que rapidamente adoptei. Como Daniel...

 

Do "cemitério dos livros esquecidos", Daniel resgata um misterioso romance - A Sombra do Vento. Desata assim, sem o saber, uma obscura intriga da qual irá ser involuntário protagonista ao longo de vários anos. Descobrirá que há quem queira adquirir o inquietante livro sem olhar ao preço e que há quem o queira destruir seja como for...

Este "livro maldito" mudará o rumo da sua vida, arrastando-o para um labirinto de intrigas e segredos enterrados na obscura alma da cidade.

Ambientado na enigmática  Barcelona dos princípios do século XX, este mistério literário é uma mistura de romance histórico e de comédia de costumes. Mas é, sobretudo, uma trágica história de amor, cujo eco se projecta através do tempo.

Com imensa força narrativa, o autor entrelaça intrigas e enigmas - como uma  boneca russa - num inesquecível relato sobre os segredos do coração e o feitiço dos livros.

Uma história magnífica, surrealista e nostálgica, onde poesia e violência convivem de mãos dadas. Estranhamente.

Um romance ambicioso na sua narrativa complexa, na sua ambiência histórica e na sua construção densa.

Uma história onde uma biblioteca mágica, num local misterioso, prova que de facto muitos são os escolhidos, mas poucos os eleitos... E esses permanecerão na sombra do vento...



publicado por I.M. às 16:55
Em torno de livros e escritos. À volta de histórias e estórias...
Na Prateleira...
Shelfari: Book reviews on your book blog
Estou a ler...

Steven Saylor, Empire

pesquisar neste blog
 
links